LUTO: "Bola Cheia" do Fantástico, promissor Bruninho morre aos 22 anos

Bruninho faleceu nesta semana, aos 22 anos — Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal
Sonho de muitas crianças, ser jogador de futebol reconhecido se torna realidade para poucos. Na maioria dos casos, de acordo com as estatísticas, um jovem sonhador acaba não conseguindo a projeção que desejava e precisa buscar novos objetivos, deixando a paixão pelos gramados para os momentos de lazer. Mas o caminho, por mais que não leve a um destino de glórias, pode ter seus momentos de felicidade e reconhecimento.
Foi o caso do jovem Bruno Costa, ou, simplesmente, Bruninho, de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro. Ele já foi personagem aqui no ge.globo como uma grande promessa do futebol, ganhando destaque, em 2007, no quadro "Bola Cheia" do Fantástico. Foi apelidado de "Romarinho da Região dos Lagos" por Tadeu Schmidt, por conta do jeito de correr.
Mas o sonho terminou e o sorriso contagiante ficará nas fotos. Bruninho faleceu nesta semana. Segundo um irmão, ele começou a sentir fortes dores na virilha, que ficaram mais intensas no domingo, quando tinha uma partida para disputar por um campeonato local.
- Ele vinha sentindo dores na região da virilha há um tempo. Nesse domingo, ele pediu ao treinador para jogar somente no segundo tempo, pois não estava se sentindo muito bem. Saindo do jogo, ele foi pra casa onde estava morando - contou o irmão Ricardo.
Bruninho foi ao hospital no dia seguinte e chegou a ficar em observação até a noite. Mas, na manhã de terça, voltou a sentir dores, desta vez, na região do abdômen. Após ser tranquilizado pelo pai e irmãos, voltou a dormir. Alguns minutos depois, um dos irmãos percebeu que Bruninho não estava respirando e que o pior havia acontecido.
A suspeita da família é que tenha tido complicações por conta de uma trombose.
O talento escondido
O dom de Bruninho deu o primeiro sinal de vida por acaso, quando fez sete gols numa mesma partida de futsal. Normal. Não demorou muito para se tornar o craque da escolinha Vovô Lima. Certa vez, num amistoso contra o Vasco, sua equipe perdeu por 10 a 2, sendo os dois gols de honra anotados por ele, com nove anos na época. Resultado: foi convidado para treinar na base do Cruz-Maltino, que se tornou sua casa por três anos. O garoto fez parte da geração que tinha, por exemplo, Mateus Pet, Andrey, Evander e companhia...
O reconhecimento pelos vídeos e também pelo tempo em que atuou no Vasco rendia prestígios. Como um empresário que prometeu levá-lo à Espanha para fazer um teste no Real Madrid, por exemplo. E ele foi.
- Os caras falaram que iam fazer teste no campo. Só que quando cheguei lá, foi outra coisa, fui fazer teste num time separado que não era do Real Madrid. Foi no society. Lá eu não entendia nada do que eles falavam, aí ficou muito difícil pra eu passar. Fiz uma semana de teste - disse Bruninho ao ge.globo na época.
Bruninho também tentou a sorte por conta própria no Flamengo, Fluminense, Botafogo, Santos, Guarani e Ponte Preta. Sem sucesso em todos eles.

Por Jeferson Marques 
GE São Pedro da Aldeia
Share on Google Plus

Inicio Joao Filho

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador