CSA chega a 18 atletas contaminados pela Covid-19 e jogo com a Chapecoense é adiado

 Lance do jogo entre CSA e Guarani, no final de semana(Foto: CSA/Divulgação)

O CSA informou nesta terça-feira que mais nove atletas tiveram diagnostico positivo para Covid-19 nos testes promovidos pela CBF, realizados na manhã de domingo, 09/08.
Como 9 atletas já estavam positivados, o clube informa que a partida contra a Chapecoense marcada para amanhã será adiada, pela Série B do Brasileiro, em Chapecó.
A CBF confirmou o o adiamento em nota:
"A Confederação Brasileira de Futebol comunica que a partida entre a Associação Chapecoense de Futebol e o Centro Sportivo Alagoano, válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série B 2020, que seria realizada nesta quarta-feira, 12, na Arena Condá, em Chapecó, foi adiada em virtude dos resultados dos testes realizados no elenco do CSA, que constataram, em prova e contraprova, a contaminação por coronavírus de nove jogadores. Estes se somam a outros nove atletas da equipe que haviam sido afastados da primeira rodada da competição por terem testado positivo, totalizando 18 dos 31 inscritos na competição. A viagem do CSA para a cidade catarinense foi cancelada. Oportunamente, a Diretoria de Competições da CBF informará a nova data para realização da partida".
CONFIRA A NOTA OFICIAL DO CSA
O Centro Sportivo Alagoano informa que mais 9 atletas tiveram diagnostico positivo para Covid-19 nos testes promovidos pela Confederação Brasileira de Futebol, realizados na manhã de domingo, 09/08.
Tendo em vista que outros 9 atletas já estavam positivados, na testagem realizada pela CBF após a partida contra o CRB, na última quarta-feira, dia 05/08. Os resultados emitidos hoje inviabilizam a realização da partida contra a Chapecoense marcada para amanhã, quarta-feira (12/08).
Lembrando que todos os positivados estão clinicamente bem e sendo acompanhados pelo Departamento Médico do CSA.
Departamento Médico e Departamento de Futebol
Centro Sportivo Alagoano
CBF ajusta protocolo
A CBF anunciou nesta segunda-feira ajustes no protocolo de operações e no sistema de testes de coronavírus das competições nacionais.
A partir de agora, a testagem será ampliada a todos os jogadores do elenco dos clubes. Antes, os alvos eram os 23 relacionados e o treinador. A aplicação dessa medida será para a rodada do próximo fim de semana (sexta-feira).
A entidade ainda decidiu descentralizar a testagem do Hospital Albert Einsten, em São Paulo. Se desejarem, os clubes podem fazer exames em laboratórios das respectivas cidades. A CBF diz que o custo será reembolsado.
Nesse contexto, os resultados deverão ser enviados à CBF pelos clubes até 24h antes da partida - no caso do clube mandante - e até 12h antes da viagem pelo clube visitante.
Na primeira rodada da Série A, o caso mais grave se deu no Goiás x São Paulo. A partida foi adiada pela CBF e o STJD porque nove jogadores testaram positivo. Os exames foram feitos pelo Einstein, na sexta-feira, mas os resultados só chegaram ao clube na manhã de domingo. O Goiás não conseguiu reagir a tempo: os jogadores estavam concentrados desde sábado.

Agência O Globo 

Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador