Washington Lobo espera por reforços para o Esporte de Patos buscar a classificação

Foto: Globoesporte.com
O Esporte de Patos poderia ter tido uma melhor sorte contra o Botafogo-PB. Se não fosse as duas defesas providenciais de Saulo, uma em cada de tempo, a derrota por 1 a 0 não teria deixado a equipe ainda zerada e inerte na tabela de classificação do Campeonato Paraibano. É o time com a pior campanha ao fim de duas rodadas. Dois jogos, duas derrotas, quatro gols sofridos e nenhum tento marcado. Mesmo com os dois reveses, o treinador Washington Lobo não recua o seu discurso em busca da classificação. No entanto, quer reforços para crescer na disputa.
- Estar na última colocação é uma situação difícil. Mas a gente tem que ver que pegamos duas equipes muito fortes no início do campeonato. Não tem jogo fácil. O Campeonato Paraibano está muito nivelado. Temos que trabalhar, trazer um ou dois jogadores para que a gente possa buscar os pontos e sonhar com a nossa classificação - explicou.
No lance que resultou o gol do Botafogo-PB, os jogadores do Esporte de Patos cercaram Fábio Augusto Sá, árbitro sergipano que comandou a partida, para protestarem sobre uma suposta falta de Fábio Alves. O time que jogava melhor, perdeu o controle emocional e do jogo. Tanto que no intervalo do jogo, três componentes do banco de reservas foram expulsos: o preparador de goleiros Alexandre Laguzza, o gerente de futebol Marcos Nascimento e o atleta Otávio, suplente do time, por agressão ao árbitro. O treinador aumentou o tom de desagrado e polemizou sobre os árbitros de outros estados que apitam o estadual.
- A gente lamenta devido aos problemas da arbitragem. Mesmo com os esforços que estão fazendo para trazerem árbitro de fora, os erros continuam da mesma forma. Não sei se é porque eles são ruins mesmo, ou se tem algo mais - disse o treinador.
O elenco do Terror do Sertão mescla juventude e experiência. Muitos jogadores, inclusive, são emprestados do elenco botafoguense para compor o elenco do time patoense. O treinador mostrou preocupação com os primeiros resultados, mas quer usar da sua experiência para reverter o cenário inicial no campeonato.
- É difícil você trabalhar onde os resultados não vem. Tem que conversar com esse plantel para que eles entendam que só através do trabalho e do empenho que podemos reverter esse quadro - afirmou o treinador.
Na próxima rodada, o desafio do Esporte de Patos será contra o Sousa, no Estádio Marizão, às 17h.

Por GloboEsporte.com 
João Pessoa

 
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador