Fortaleza bate Santos, encerra série negativa e deixa o Z-4 da Série A

Wellington Paulista comemora gol no jogo Fortaleza x Santos, na Arena Castelão, pelo Campeonato Brasileiro Série A (Foto: Júlio Caesar/O POVO)
Após mais de três meses, o Fortaleza voltou a sair do gramado da Arena Castelão com um resultado positivo. Na noite desta quinta-feira, 21, o Tricolor bateu o Santos-SP por 2 a 0, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, e deixou a zona de rebaixamento ao encerrar a sequência de oito jogos sem ganhar.
Os gols dos donos da casa foram marcados por Juninho, de pênalti, e Wellington Paulista na segunda etapa. Antes disso, no primeiro tempo, o goleiro Felipe Alves brilhou ao defender a cobrança da penalidade de Jean Mota.
A vitória do Leão põe fim ao jejum caseiro de sete jogos - quatro empates e três derrotas - além da série negativa na competição - quatro igualdades e quatro reveses. Além disso, o técnico Enderson Moreira consegue o primeiro triunfo no comando da equipe.
Com o resultado, o time do Pici sai do Z-4 e sobe para a 14ª posição, com 35 pontos. O próximo compromisso será diante do Atlético-GO, domingo, 24, às 18h15min, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia, pela 32ª rodada da Série A.
Felipe Alves decisivo
O Fortaleza foi a campo com uma nova formação e três novidades na equipe: o lateral-direito Gabriel Dias, o zagueiro Jackson e o meia Mariano Vázquez. O Santos, por sua vez, utilizou um time reserva em meio à maratona de jogos.
O Tricolor mostrou postura mais ativa, buscando criar lances ofensivos, mas esbarrava na marcação adversária. O primeiro chute a gol foi do Peixe, aos 12 minutos, quando o zagueiro Guilherme Nunes arriscou de fora da área e a bola saiu por cima da meta mandante.
O duelo seguiu truncado e estudado até os quinze minutos finais. A partir daí, as equipes conseguiram criar chances reais para marcar, mas esbarraram nos arqueiros. Em dois lances seguidos, Felipe Jonatan apareceu pelo lado esquerdo e cruzou para cabeceios de Marcos Leonardo e Madson.
Na sequência, Lucas Braga fez jogada pelo lado direito, cruzou e viu a bola desvia na mão de Jackson. Após chamado do VAR, o árbitro Ricardo Marques Ribeiro consultou o lance na cabine e marcou pênalti para o time paulista. Jean Mota cobrou rasteiro, e Felipe Alves se jogou para fazer a defesa.
O meia santista apareceu novamente aos 47 minutos, quando recebeu passe na ponta esquerda e bateu rasteiro para nova defesa do camisa 12 do Leão. No contra-ataque, David recebeu passe em profundidade, avançou com a bola e bateu cruzado rasteiro, mas João Paulo se esticou para evitar o gol.
Juninho e WP9 definem
No retorno para a segunda etapa, o Leão do Pici voltou para o gramado com nova postura e conseguiu construir o triunfo. Logo no primeiro minuto, Osvaldo recebeu passe na entrada da área, avançou em velocidade com a bola e foi derrubado por Madson. Juninho cobrou firme no canto direito e abriu o placar.
Em vantagem no placar, o Fortaleza ganhou força ofensiva e partiu em busca do segundo gol. Aos 12 minutos, Romarinho fez jogada pelo lado direito e achou Mariano Vázquez livre na entrada da área. O meia argentino dominou, limpou a jogada e finalizou por cima da meta paulista.
Oito minutos depois, Felipe roubou a bola no campo de ataque e tocou para Yuri César, que serviu Wellington Paulista. O camisa 9, que entrou no segundo tempo, deu um toque com categoria na saída de João Paulo e fez 2 a 0.
A dupla de atacantes participou de nova trama aos 29, quando Yuri César cruzou da ponta direita, Wellington Paulista subiu livre e cabeceou por cima do gol. Daí por diante, o Tricolor administrou o resultado, contendo as investidas do Santos e tentando explorar contra-ataques.

O Povo Online
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador