CBF admite 'erro óbvio' contra o Atlético-MG em jogo diante do Corinthians

CBF admitiu que Gil cometeu pênalti em Vargas e a arbitragem errou em não marcar | Daniel Vorley/AGIF
Mesmo com a utilização do VAR, o Campeonato Brasileiro segue sofrendo com polêmicas de arbitragem. E nesta segunda-feira (23), a CBF confirmou mais um erro - mesmo com a utilização do vídeo.
O vice-presidente do Atlético-MG, Lásaro Cândido, divulgou em suas redes sociais o trecho de um documento na qual a CBF admite um erro de arbitragem contra o Galo, na partida diante do Corinthians, em lance que Gil derruba Vargas na área, mas o juiz não assinala pênalti.
"O reclamante alega que houve pênalti claro a seu favor não marcado pela arbitragem e que o VAR não corrigiu o erro, como lhe serviria de dever. O reclamante tem razão. Com efeito, pelo que se conta do clip n.01, lançado no portal do árbitro, o atacante do reclamante, quando já estava à frente do defensor adversário, foi claramente puxado pelo ombro esquerdo e com as duas mãos, o que caracterizou a falta. (..) A decisão se caracterizou como erro claro, óbvio, que, pois, impunha ao VAR, recomendar revisão na ARA", diz parte do documento enviado pela CBF.
Essa é a segunda vez que a CBF admite um erro de arbitragem e do VAR. Antes, a entidade máxima do futebol brasileiro havia admitido um erro contra o São Paulo, em gol anotado pelo atacante Luciano diante do Atlético-MG.

Esporte Interativo
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador