Paysandu marca no primeiro minuto, segura o Treze e volta a vencer na Série C

Foto: Cassiano Cavalcanti/Treze FC
Fim do jejum bicolor
O gol de Wellington Reis no primeiro minuto de jogo decretou a vitória do Paysandu sobre o Treze, na noite deste sábado. O resultado encerrou a sequência de quatro jogos sem vencer do time paraense, que teve o comando interino do auxiliar técnico Leandro Niehues. A partida foi disputada no Estádio Amigão, em Campina Grande, na Paraíba. As duas equipes tiveram jogadores expulsos no segundo tempo e o volante Uchôa, do Papão, teve que deixar a partida no intervalo, rumo ao hospital, para realizar exames de controle por causa de um trauma sofrido no rosto.
Olho na tabela
A vitória faz o Paysandu chegar aos 15 pontos, subir para a 7ª colocação e, mais importante, abrir quatro pontos de distância para a zona de rebaixamento. O time paraense volta a olhar para o G4. Já o Treze estaciona nos 13 pontos e pode terminar a rodada novamente no Z2. Para que isso não corra, tem que secar o rival Botafogo-PB, que encara o Santa Cruz fora de casa neste domingo.
Próximos compromissos
O Paysandu volta a campo no próximo sábado, quando receberá o Manaus no Mangueirão, em Belém. Já o Treze visita o Ferroviário, no Ceará, no domingo que vem, dia 1º de novembro.
Primeiro tempo
O Paysandu encontrou o gol com apenas segundos de bola rolando. Na infiltração de Wellington Reis, o goleiro Andrey saiu mal, foi driblado e o volante bicolor conseguiu finalizar da linha de fundo, praticamente sem ângulo: 1 a 0. O Treze, no entanto, não sentiu o golpe. Partiu para cima e quase empatou no minuto seguinte, em cobrança de escanteio de Gustavo. O Galo seguiu presente no ataque, arriscando em bolas alçadas e chutes de média ou longa distância. Paulo Ricardo mostrou segurança nas defesas. A frente no placar, o Papão tentou administrar durante o tempo que teve a posse da bola ou apostar em contra-ataques – porém poucos conseguiu efetivamente encaixar. Nicolas poderia ter ampliado já aos 47, mas dessa vez Andrey foi bem e fez grande defesa.
Segundo tempo
Maycon Lucas recebeu o primeiro cartão amarelo em apenas segundos da etapa final e, aos 6, tomou mais um e foi expulso de campo, complicando mais a situação do Treze no jogo. Se o Galo precisava forçar a marcação adversária, com um a menos acabou perdendo o ímpeto para isso. Do outro lado, o Paysandu abriu mão de um jogo mais defensivo para, com mais espaços em campo, buscar ampliar a vantagem e resolver logo a partida. Vinícius Leite quase conseguiu aos 15, só que acertou a rede pelo lado de fora. Mas aí, aos 19, PH também foi expulso pelo lado bicolor. O confronto voltou a ficar equilibrado. Márcio Fernandes fez substituições para mandar o Treze mais para frente, enquanto que Leandro Niehues foi no caminho inverso e “fechou a casinha”. As duas equipes conseguiram criaram boas chances de marcar, porém o placar não foi mais alterado.
Novo comandante bicolor
Leandro Niehues atuou como interno neste sábado em razão do pedido de demissão do técnico Matheus Costa na última quarta-feira, que deixou o Paysandu para acertar com o Operário-PR, na Série B. Mas a equipe alviceleste já tem novo comandante. João Brigatti foi anunciado pelo Papão na manhã deste sábado e assume o time na próxima segunda-feira, em Belém.

Por Resumão GE
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador