Novo ataque funciona, CRB vence Avaí no Rei Pelé e dorme no G4 da Série B

 CRB vence o Avaí por 3 a 1 no Estádio Rei Pelé(FOTO: AILTON CRUZ)
O CRB venceu o Avaí, por 3 a 1, em confronto na noite dessa sexta-feira (2), pela 13ª rodada da Série B, e entrou no G4 da Série B do Brasileiro. O duelo foi disputado no Estádio Rei Pelé e os gols regatianos foram de Iago Dias que, em noite inspirada, marcou duas vezes, um em cada tempo, e de Diego Torres, na segunda etapa. O time catarinense assinalou com Rildo, na segunda etapa.
Com este resultado, o CRB agora ocupa a 4ª colocação, com 20 pontos. Já o Avaí é o 10º lugar, com 16 pontos. O Galo volta a jogar na próxima terça-feira (6), às 17h, no Batistão, quando visitará o Confiança. Enquanto o Avaí, também na terça, recebe o Brasil de Pelotas-RS, na Ressacada, às 19h15.
Como foi
O CRB começou o jogo com a bola no campo de defesa, mas o jogo era bem disputado e o Galo tentava furar o jogo pelo lado direito de ataque. Aos 8 minutos, quem chegou foi o Avaí. Rildo recebeu, foi derrubado por Gum e o árbitro marcou a falta para o Leão. Renatinho cobrou e a defesa do CRB tirou o perigo na entrada da área.
O time regatiano segurava a bola, mas não achava espaço na defesa da equipe catarinense. Aos 14 minutos, o Avaí assustou. Jaú entrou na área do CRB, cruzou rasteiro e a bola passou por Mardden, mas Igor Cariús salvou.
O gol do Galo veio aos 21 minutos. Reginaldo recebeu livre de marcação, mandou no meio da área do Avaí e Iago Dias cabeceou, mandando para o fundo da rede: 1 a 0.
Aos 27 minutos, o Avaí tentou, por meio de uma cobrança de falta. Renatinho bateu, mandou no meio da área do CRB, mas a defesa regatiana afastou.Aos 30 minutos, de novo o time catarinense tentou. Pedro Castro recebeu a bola na frente da área do Galo, girou, chutou, mas foi por cima do gol de Mardden. O Avaí tinha mais posse de bola nesse momento.
Passando dos 40 minutos e com o placar em seu favor, o CRB girava a bola, sem pressa alguma. Mas, aos 42 minutos, o Avaí quase empatou. Vinícius Jaú rolou pra trás, Rildo chutou, a bola bateu na zaga do CRB e saiu pela linha de fundo. O árbitro decretou dois minutos de acréscimos, o time regatiano esperava o tempo passar e, aos 47 minutos, encerrou a primeira etapa.
No segundo tempo, o jogo começou fácil para o CRB, mas ele errava muitos passes e aproveitava as chances. Aos 11 minutos, o Avaí teve um escanteio em seu favor. Pedro Castro cobrou, levantando na segunda trave, Airton tentou cabecear, mas a bola foi muito alta e a zaga alvirrubra afastou. Mas aos 16 minutos, veio o segundo gol do CRB, de novo de Iago Dias. Luidy cruzou, Moacir dominou, foi derrubado na área do Avaí, mas Iago Dias ficou com a sobra e chutou para o gol de Frigeri: 2 a 0.
Os jogadores do Galo mal terminaram de comemorar o segundo gol e veio o terceiro, aos 19 minutos. Diego Torres recebeu com liberdade, adiantou a bola e soltou um verdadeiro balaço, estufando a rede do Avaí: 3 a 0.
Com a boa vantagem no placar, o CRB rodava a bola, ia trocando o lado do campo, não dando chances ao Avaí. Aos 31 minutos, o Galo quase fez outro gol. Hugo recebeu, adiantou a bola, entrou na área e, sozinho, chutou para fora, perdendo a chance. E aos 35 minutos, o Avaí diminuiu. Valdívia bateu o escanteio na primeira trave, Rildo se antecipou, tocou com estilo e a bola morreu no fundo da rede: 3 a 1.
Depois que tomou o gol, o Alvirrubro se fechou todo, para se precaver e não ser surpreendido com outro gol do adversário, que tentava, mas o Galo se segurava. E, no finalzinho, já nos acréscimos, o Avaí teve um pênalti em seu favor. Rildo foi para a cobrança e acabou perdendo, aos 48 minutos. O apito final do árbitro se deu aos 50 minutos, com a vitória do CRB garantida: 3 a 1.
CRB - Edson Mardden; Reginaldo, Gum, Reginaldo Júnior e Igor (Hugo); Claudinei, Moacir, Pablo Dyego (Luidy) e Diego Torres; Iago Dias (Magno Cruz) e Alisson Safira (Bill). Téc: Marcelo Cabo.
Avaí - Lucas Frigeri; Iury (Ramon Pereira), Rafael Pereira, Airton e João Lucas (Valdívia); Ralf, Jean (Luan Silva) e Pedro Castro; Renatinho (Getúlio), Rildo e Vinícius Jaú (Emerson Tucão). Téc.: Geninho.
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA).
Assistentes: Helcio Araújo Neves (PA) e Bárbara Roberta da Costa Loiola (PA).

Gazeta Web
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador