Crivella volta atrás e diz que decreto suspende apenas jogos de Botafogo e Fluminense

Foto: Divulgação/Internet 
Após publicar decreto que suspendia a disputa do Carioca no município do Rio até o dia 25 de junho, o prefeito Marcelo Crivella voltou atrás e afirmou que a medida vai afetar apenas os jogos de Botafogo x Cabofriense, no Nilton Santos, e Fluminense x Volta Redonda, no Maracanã, que estão marcados para segunda-feira.
Assim, inicialmente ficaram mantidas as duas partidas deste domingo: Vasco x Macaé e Madureira x Resende. Porém, pouco antes das 22h deste sábado, a Federação de Futebol do Rio anunciou o adiamento dos dois jogos, para quarta e quinta, respectivamente.
O primeiro decreto, que suspendia todas as competições esportivas da cidade em locais com portões fechados, foi publicado no início da tarde. Segundo o documento, a medida tem como objetivo fazer com que os protocolos de vigilância sanitária apresentados pela federação se adaptem aos nossos da prefeitura e haja uma fiscalização.
Mas, diante da repercussão, por volta das 19h, Crivella voltou atrás e divulgou uma retificação restringindo apenas os jogos de Botafogo e Fluminense.
A intervenções do prefeito do Rio ocorrem no momento em que acontece uma queda de braço com Botafogo e Fluminense de um lado, e a Federação de Futebol do Estado do Rio e os outros clubes na outra ponta. A dupla se mantém irredutível na decisão de não voltar a jogar no mês de junho, em razão da pandemia de coronavírus, enquanto a Federação e demais times decidiram retornar imediatamente ao futebol. Inclusive, o campeonato foi retomado na última quinta, com Bangu x Flamengo, no Maracanã.
A decisão da maioria, inclusive, recebeu sanção da prefeitura. Na última quarta-feira, após uma reunião com os clubes, o prefeito Crivella liberou o retorno do futebol. Em entrevista coletiva, no entanto, pediu à Ferj que Botafogo e Fluminense não fosse punidos com W.O., caso mantessem com a decisão de não jogar.
- Os jogos estão autorizado e continuam autorizados. Vão abrir os jogos, Tenho Certeza que a população do Rio de Janeiro, como eu, aguarda os seus times entrarem em campo. É uma coisa que traz alento enorme para nossa alma. Desde criança estamos acostumados com futebol na nossa tela. Mas há clubes que acham que não devem voltar agora no mês de junho. Pediram para voltar em julho. Esse foi o pedido que, como prefeito da cidade, fiz ao presidente da federação. No sentido de que aqueles clubes que acham que devem voltar em julho não sofram qualquer tipo de W.O. ou punição da federação. Nesse momento, precisamos levar em consideração que cada um reage diferente - disse o prefeito na ocasião.
No entanto, em reuniões com os clubes sexta e neste sábado, a Ferj indicou que, caso Botafogo e Fluminense não disputem as partidas em junho, sofrerão W.O. Nesse cenário, a prefeitura decidiu interromper a competição, de maneira que a dupla dissidente seja beneficiada. As partidas das duas equipes estavam previstas para a segunda-feira, 22 de junho.

Por GloboEsporte.com 
Rio de Janeiro
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador