Subiu! Sport vira pra cima da Ponte Preta e assegura vaga na Série A 2020

Foto: Paulo Paiva/DP
Contando com o faro artilheiro aguçado de Guilherme, o Sport está definitivamente na Série A do Brasileirão em 2020. Jogando diante da Ponte Preta na Ilha do Retiro, o time pernambucano saiu atrás no marcador, mas conseguiu a virada por 2 a 1 sendo que ambos apenas irão cumprir tabela na última rodada da Série B.
saiba mais
CUMPRINDO TABELA... MAS E DAÍ?
Apesar de não ter mais objetivos a serem atingidos na tabela, a fase amplamente negativa parece ter feito com que o time campineiro começasse o jogo mais ativa no plano ofensivo e praticamente obrigando o Leão da Ilha a se cuidar muito mais no lado da defesa do que o inverso.
Foram 10 minutos de intensa movimentação onde Luan Polli precisou ser acionado em chute de canhota forte dado por Roger além de, em outras oportunidades, a zaga precisar aparecer de maneira providencial para travar e/ou desviar os chutes ponte-pretanos.
DEMOROU, MAS SAIU
O Sport chegou a aparecer bem no ataque com Charles batendo de fora da área com bastante perigo, mas o volume de jogo do adversário era notoriamente mais intenso e eficiente, conseguindo traduzir esse volume em gol aos 19 minutos. Em escanteio batido pelo lado esquerdo do ataque por Renato Cajá, Roger, um dos artilheiros no Brasileirão da Série B, bateu de perna esquerda para superar Luan Polli.
COM OUTRA ABORDAGEM
Ao menos no aspecto da atitude, o time de Guto Ferreira voltou para a etapa complementar com uma marcação mais agressiva, apertando a saída de bola campineira com mais jogadores e ficando com ela por mais tempo no plano ofensivo. Entretanto, o que faltava para o time da Praça da Bandeira ainda era transformar esse ímpeto em bola na rede já que, no chute forte de Élton e na violenta finalização de Guilherme Lazaroni, Ygor apareceu bem e frustrou os planos da equipe pernambucana.
TEM QUE SER DE QUEM?
Em meio a uma partida distante das suas mais inspiradas, Guilherme tinha poucas oportunidades de fazer a diferença como vinha conseguindo ao longo da Série B. Porém, quando a bola sobrou de maneira favorável para que ele batesse de chapa após boa atuação de pivô feita por Elton, o chute certeiro não deu qualquer chance de defesa para o arqueiro da Ponte e enlouqueceu a torcida presente na Ilha do Retiro já que a igualdade era suficiente para carimbar a vaga na Série A.
EMOÇÃO ATÉ O FIM
A Ponte Preta não queria saber de dar o braço a torcer e voltou a aparecer mais no plano ofensivo levando muito perigo com Marquinhos em chute onde Luan Polli fez uma defesa impressionante além de chegar a balançar as redes aos 27 com Renan Fonseca de cabeça. Contudo, a arbitragem anulou o tento marcando impedimento na primeira finalização defendida por Polli.
Tamanho era o clima de tensão que persistia em rondar o estádio que, após uma confusão entre Marquinhos e Hyuri que provocou a presença de vários jogadores em volta para acalmarem os ânimos, os jogadores que iniciaram o entrevero receberam o cartão vermelho direto onde ainda teve tempo para Vico ser expulso.
PÁ DE CAL
Para tornar os minutos finais de puro delírio e alegria aos torcedores que lotaram a Ilha do Retiro, depois de chute dado por João Igor espalmado pelo arqueiro Ygor, o camisa 11 apareceu rapidamente para bater, no rebote, por baixo do goleiro ponte-pretano. 2 a 1 Sport e acesso garantido.

Lance
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador