Jogadores não caem no BID em tempo hábil, Spartax entra em campo apenas com cinco jogadores e partida é cancelada em Guarabira

Foto: Alberto Holanda Júnior
O Campeonato Paraibano 2ª Divisão 2019 teve seu primeiro WO, a partida entre Desportiva Guarabira e Spartax que seria realizada no Silvio Porto válida pela segunda rodada do Grupo do Litoral/Brejo não aconteceu.
O motivo foram os atletas do Spartax que não tiveram seus nomes divulgados no BID da CBF em tempo hábil para estarem aptos a atuarem que é 24 horas antes da partida, só foram publicados na manhã desta quarta.
Sendo assim, o Spartax só tinha disponível para a partida de estreia diante da Desportiva Guarabira cinco atletas que são da base, pelo regulamento cada equipe só poderá utilizar por partida cinco atletas não profissionais. 
O árbitro da partida Gutemberg Cardoso deu pro encerrada a partida por numero insuficientes de jogadores e o Departamento Técnico da Federação Paraibana de Futebol deverá declarar a Desportiva Guarabira vencedora por WO (3x0).
O presidente do Spartax José de Moraes postou o seguinte texto após o encerramento da partida:
"Em Guarabira o Spartax compareceu com numero insuficiente de atletas devido a não ter caído no BID, ficando doze atletas pendente no Sistema da CBF. Conforme documentos em anexos.
Todos caíram hoje mais não poderia serem utilizados por que estariam todos irregulares para o jogo desta noite conforme o regulamento da competição.
O jogo deve ser declarado pelo Departamento Técnico da competição como W.O, ou seja, 3x0 para o Desportiva Guarabira.
Aproveito para assumir a total responsabilidade deste fato lamentável e perdoe as maiores e melhores desculpas a todos que fazem o futebol da Paraíba por minha incompetência ao deixar chegar a este ponto, ainda mais tendo folgado na primeira rodada.
Fiz a solicitação através de ofício “documentos em anexos”, à federação para o adiamento da partida de hoje para amanhã.
A qual acatou mais que precisava da anuncia do clube anfitrião “mandante”.
Fiz o pedido ontem e hoje ao clube coirmão, para que não ter mais um fato que não fosse positivo para a competição.
Mas este no seu legítimo direito fez a recusa por conta da sua logística já previamente montada para o jogo.
Comparecermos ao Silvio Porto com os cinco atletas que nos permitem o regulamento e não poderia jamais utilizar de qualquer um dos doze que estavam juntos na viagem.
Uma vez que se me utilizasse de qualquer um dos mesmo estes estariam irregular, e nunca tivemos um único atleta dentro de campo de forma irregular no Spartax.
Reintegro a todos os desportista, a grande torcida do clube coirmão Desportiva Guarabira, a Federação e a todos os demais que por um motivo ou outro se sentirá prejudicado ou ofendo com o lamentável fato",
José Moraes. 
Não é fácil fazer futebol, tempo teve para as equipes regularizarem seus atletas, más as dificuldades são imensas, muitas vezes os apoios só chegam de última hora, Moraes fez a coisa certa em não entrar em campo com atletas de forma irregular.
O próximo jogo do Spartax será no domingo, 1º de setembro no Almeidão diante do Internacional Mamanguape, já a Desportiva Guarabira enfrentará o São Paulo Crystal no Carneirão em Cruz do Espírito Santo. 

Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador