Nos pênaltis, Afogados faz história, bate o Santa Cruz no Arruda e avança às semis do Pernambucano

Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press
Foi sofrido, mas o Afogado conseguiu uma classificação inédita para as semifinais do Campeonato Pernambucano. Depois de empatar em 1 a 1 no tempo normal - com gols de Rodrigo e Allan Dias - a Coruja foi superior nos pênaltis. Nas penalidades, os sertanejos venceram por 3 a 1. O adversário será o Náutico nas semis. 
Primeiro tempo
Apesar do jogo ser no Arruda, o Afogados que mostrou mais controle da partida desde o começo. O Santa Cruz pouco agrediu e o time sertanejo, por outro lado, mostrava uma boa postura defensiva. Só que o jogo era fraco até os 30 minutos, quando Candinho teve a primeira boa chance e quase faz em uma cobrança de falta. A partir daí as chances começaram a aparecer. Só que a Coruja que foi mais competente: Rodrigo, aos 44 minutos, abriu o placar. Ao fim da primeira etapa, a torcida vaiou muito os corais.
Segundo tempo
Na necessidade de correr atrás do placar - até por jogar em casa - o Santa Cruz coltou com mais vontade. Apesar de desorganizado, o Tricolor se lançou ao ataque e acumulou algumas chances perdidas. Até Marcos Martins encontrar Allan Dias, que cabeceou para empatar o jogo. Com a torcida empurrando, o Santa Cruz se animou mais ainda depois do empate. Só que o ímpeto foi baixando a medida que o tempo passava principalmente pelo desgaste físico e a chuva forte. O Afogados se segurou como pode. E o jogo foi para os pênaltis.
Nos pênaltis
Pipico foi o primeiro a cobrar pelo Santa e converteu. Douglas foi para a bola pelo Afogados e Anderson pegou. Neto Costa bateu pelo Santa Cruz e perdeu também. Jader empatou para o Afogados. Em seguida, foi a vez de Patrick Vieira. Ele perdeu também. Pelo Afogados, Márcio converteu e deixou o time sertanejo na frente. Allan Dias perdeu para o Santa. O Afogados tinha tudo na mão. Era fazer para avançar às semifinais. Thalison fez o do Afogados e classificou os sertanejos.
O que vem pela frente?
O Afogados enfrenta o Náutico, em jogo único no estádio dos Aflitos. A data ainda será confirmada pela Federação Pernambucana de Futebol. Eliminado, o Santa Cruz foca na Copa do Nordeste e Copa do Brasil
Dia de herói
Wallef pegou duas cobranças e se tornou o grande nome do Afogados nas quartas de final. Durante o tempo normal, ele já tinha ido muito bem e fez várias defesas que salvaram a Coruja. 
Foi feio
No primeiro tempo, Oséas e Augusto se chocaram, cabeça com cabeça, dentro da área em um lance duvidoso. Apesar do zagueiro do Afogados ter se recuperado, o atacante tricolor se deu mal. Minutos depois de ter ensaiado uma volta ao jogo, ele voltou a cair no gramado. E foi substituído por Elias.
Outro presente
Assim como foi na vitória de 1 a 0 para o Sport, Allan Dias marcou de cabeça. E, mais uma vez, a assistência para o camisa 10 foi dada por Marcos Martins, que é o maior garçom do Santa até agora, com três assistências para gol.
Público e renda
Público total: 3.259 pessoas Renda: R$ 29.486,00 

Resumão
Globoesporte.com/pe
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador