Retrospectiva: relembre todos os campeões do futebol paraibano do sub-15 ao profissional

Foto: Pedro Alves/GloboEsporte.com
O ano de 2018 vai chegando ao fim e o GloboEsporte faz um balanço da temporada com os campeões de todos as competições oficiais do futebol paraibano. Ao todo a Federação Paraibana de Futebol (FPF) promoveu seis campeonatos, com cinco vencedores diferentes. Apenas o Botafogo-PB conseguiu levantar duas taças - os estaduais profissional e feminino.
A FPF não organizou os campeonatos sub-20 e sub-17, como estava previsto. Por outro lado, outras competições ganharam mais destaque no calendário, como a Copa João Pessoa Sub-17 (organizada pelos clubes e que substituiu o estadual) e a já tradicional Copa Raimundo Braga Sub-15, que é promovida pelo Governo do Estado reunindo clubes e entidades de todas as regionais de ensino.
Relembre então os campeões de 2018
   Campeonato Paraibano - Botafogo-PB
O Botafogo-PB conquistou o bicampeonato estadual ao vencer o Campinense na finalíssima. Apesar de ter chegado à decisão com a vantagem por ter melhor campanha, o campeonato não foi fácil para o Botafogo-PB. Na primeira fase, o Alvinegro terminou na segunda colocação do Grupo A, atrás justamente do Campinense. Pior, chegou na última rodada correndo riscos de ir para o Torneio da Morte. A goleada de 4 a 1 sobre o Atlético de Cajazeiras (terminou o primeiro tempo perdendo por 1 a 0) gatrantiu a classificação em segundo lugar na chave.
Depois foi preciso superar o Sousa na repescagem. O Belo perdeu por 1 a 0 no Marizão (foi a primeira derrota no Paraibano) e só conseguiu a vaga na semifinal em João Pessoa, com uma vitória de 3 a 1.
Botafogo-PB, time campeão paraibano de 2018 — Foto: Pedro Alves / GloboEsporte.com
Na semifinal o adversário era o Treze, líder do Grupo B, e que por isso tinha a vantagem de jogar por dois resultados iguais. O Botafogo-PB conseguiu inverter isso com a vitória de 2 a 1 no Almeidão. Depois, confirmou a classificação vencendo também em Campina Grande por 1 a 0.
As duas vitórias, aliadas à surpreendente derrota do Campinense para o Serrano-PB na primeira partida da semifinal, deixaram o Botafogo-PB com a vantagem na finalíssima. No jogo de ida, a Raposa ganhou por 1 a 0, com gol de Tarcísio. Mas no segundo jogo, o Belo não deu chance ao rival e construiu uma vitória tranquila por 2 a 0, com gols de Nando e Lula.
Gol de Lula garante a vitória sobre o Campinense e dá ao Botafogo o 29º título estadual de sua história — Foto: Pedro Alves / GloboEsporte.com
    Paraibano da 2ª Divisão - Esporte de Patos
O Esporte de Patos conquistou pela quarta vez o Campeonato Paraibano da 2ª Divisão com uma campanha sólida. Na final, o Terror do Sertão superou a Perilima, de Marcelinho Paraíba, para coroar o retorno à elite com taça.
Comandado por Marcos Nascimento, o time sertanejo chegou invicto à decisão. Na primeira fase, mesmo num grupo equilibrado, o Esporte avançou com a primeira colocação, depois de cinco vitórias e um empate.
Na semifinal, o esperado encontro contra o São Paulo Crystal, líder do Grupo do Litoral. No jogo de ida, o Alvirrubro vacilou e, após estar vencendo por dois gols de diferença até os minutos finais, acabou cedendo o empate em pleno José Cavalcanti. A classificação, então, foi obtida na casa do adversário. Jogando no Estádio Carneirão, em Cruz do Espírito Santo, o Esporte venceu por 3 a 1.
Esporte de Patos e Perilima chegaram invictos à decisão da Segundona. No fim, melhor para o Terror do Sertão — Foto: Raniery Soares / Paraíba Press / FPF
A decisão contra a Perilima reunia duas equipes invictas. A Águia, além de contar com Marcelinho Paraíba, tinha números impressionantes: venceu todos os oito jogos que havia disputado, marcando 30 gols e sofrendo apenas um. Mas com o meia Enercino em ótima fase, o Esporte passou por cima do time campinense e fez 4 a 2 no JC.
No jogo de volta, disputado no Presidente Vargas, em Campina Grande, o Esporte poderia perder por até um gol de diferença. E foi o que aconteceu. Apesar de perder a invencibilidade, o gol de Enercino na derrota de 2 a 1 acabou valendo a taça de campeão da Segundona. A Perilima, que ficou com o vice-campeonato, também garantiu o retorno à elite do futebol paraibano em 2019.
Jogadores do Esporte de Patos fazem a festa no PV mesmo com a derrota de 2 a 1 para a Perilima na finalíssima — Foto: Raniery Soares / Paraíba Press / FPF
    Paraibano Sub-19 - CSP
Com a participação recorde de 21 clubes divididos em quatro chaves - Litoral, Agreste, Brejo e Sertão - o Paraibano Sub-19 foi realizado nos meses de julho e agosto. Os finalistas ganhariam como prêmio a participação na Copa São Paulo de Juniores de 2019.
Campeão nos dois últimos anos, o Botafogo-PB era o favorito natural ao tricampeonato. Mas acabou sendo surpreendido na semifinal pela Queimadense, que já havia superado Treze e Campinense na primeira fase. O Carcará ganhou do Belo o jogo de ida por 4 a 1, e depois segurou a classificação - e a vaga na Copinha - mesmo com a derrota de 2 a 0, em jogo disputado na Maravilha do Contorno.
A Queimadense surpreendeu e eliminou o favorito Botafogo-PB na semifinal do Paraibano Sub-19 — Foto: Jeferson Cariri/Divulgação
Na outra semifinal, o CSP acabou levando a melhor sobre o Nacional de Patos. Após empatarem em João Pessoa por 0 a 0, as duas equipes decidiram a vaga no José Cavalcanti. Numa partida marcada por polêmicas, com gol nos acréscimos, briga e expulsões, o Tigre superou o time sertanejo nos pênaltis.
A final foi mais tranquila. Com os dois times já garantidos na Copinha, o CSP praticamente definiu o título do Paraibano Sub-19 ao vencer a Queimadense por 4 a 1, em Boqueirão. Na final, podendo perder por dois gols de diferença, a molecada celeste acabou levantando a taça mesmo com a derrota por 2 a 1, no Almeidão.
Garotada do CSP comemora o título de campeão paraibano sub-19 e a vaga na próxima Copa São Paulo de Juniores — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco
Na Copa SP, o CSP caiu no Grupo 6, na cidade de Tupã, ao lado de Athletico Paranaense, Comercial-SP e Tupã. Já a Queimadense vai jogar no Grupo 19, em Indaiatuba, e terá como adversários Fortaleza, Primavera-SP e Sertãozinho-SP.
    Paraibano Sub-15 - Confiança de Sapé
No ano que marcou o seu retorno ao futebol profissional, o Confiança de Sapé seguiu fazendo história nas categorias de base. Após conquistar o Campeonato Paraibano Sub-17 em 2017, o Time do Abacaxi faturou este ano o estadual sub-15, vencendo o Meninos do Cristo na finalíssima.
Para não deixar dúvidas, o Confiança foi campeão invicto. A competição teve a participação de 29 equipes, divididas em três grupos. Na semifinal, o Confiança eliminou o Botafogo-PB, enquanto o Meninos do Cristo passou pelo Auto Esporte em rodada dupla no Almeidão.
A decisão também foi disputada em jogo único, no Almeidão. O Confiança ganhou por 1 a 0, com gol marcado por Gabriel Alves.
Confiança de Sapé venceu o Meninos do Cristo e faturou o título estadual sub-15 — Foto: Divulgação/Confiança de Sapé
    Paraibano Feminino - Botafogo-PB
O Campeonato Paraibano de futebol feminino foi a primeira competição organizada inteiramente na gestão da presidenta eleita Michelle Ramalho na FPF. Seis clubes participaram da competição, e jogaram entre si em turno único. Os dois primeiros colocados - Botafogo-PB e Mixto - se classificaram para a decisão.
Por ter feito a melhor campanha do que o rival na primeira fase - venceu no saldo de gols - as Belas do Belo chegaram à final precisando apenas do empate para conquistar o tetracampeonato. O jogo foi muito disputado, com o Mixto saindo na frente. No fim, Jayanne empatou a partida dando o título para as meninas do Botafogo-PB.
Foi mais difícil do que nos anos anteriores, mas as Belas comemoraram o tetrcampeonato estadual feminino — Foto: Divulgação / Botafogo-PB
    Copa João Pessoa Sub-17 - Meninos do Cristo
Com o cancelamento do Campeonato Paraibano Sub-17 por parte da FPF, os clubes se reuniram e decidiram organizar a Copa João Pessoa da categoria. Chegaram à decisão Meninos do Cristo e Botafogo-PB, que jogaram no Estádio Tomazão.
A partida foi muito movimentada e acabou com vitória do Meninos do Cristo por 3 a 2. Os gols foram marcados por Vitinho, Jadiael e Túlio, com Maurílio e João Victor descontando para o Botafogo-PB. O Meninos do Cristo ainda desperdiçou um pênalti cobrado por Danilo e defendido pelo goleiro Paulo.
O projeto Meninos do Cristo é comandado pelo ex-jogador Gil Bala. Veja na reportagem abaixo do Globo Esporte:
    Copa Raimundo Braga Sub-15 - Campinense
Outra competição já tradicional do futebol de base paraibano é a Copa Raimundo Braga sub-15, promovido pelo Governo do Estado e que reúne torneios nas 14 regionais de ensino. Chegaram às semifinais Botafogo-PB (campeão da etapa do Litoral), Campinense (campeão do Agreste), Escolinha Fla de Patos (campeão do Espinharas) e Clube Ronaldo Angelim, de Sousa (campeão do Sertão). A definição dos duelos foi através de sorteio.
O Campinense despachou o Botafogo-PB e fez a final contra o CRA, que passou pela Escolinha Fla de Patos. A final foi no Estádio Municipal de Quixaba, e a garotada da Raposa venceu nos pênaltis, por 5 a 4, depois do empate sem gols no tempo normal.
Campinense venceu o CRA de Sousa na final da Copa Raimundo Braga sub-15
Campinense venceu o CRA de Sousa na final da Copa Raimundo Braga sub-15 — Foto: Divulgação/Campinense
Por Expedito Madruga 
Globoesporte.com/João Pessoa
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador