Suélio alega interferências da diretoria e deixa o comando técnico do Serrano-PB

 
Suélio Lacerda comandou o Serrano-PB em sete jogos, com duas vitórias, um empate e quatro derrotas (Foto: Reprodução / TV Paraíba)
A quarta-feira de cinzas começou com uma baixa no elenco do Serrano-PB para a sequência do Campeonato Paraibano. Ou melhor, duas. O técnico Suélio Lacerda e o seu auxiliar, Hélio Cabral, pediram demissão dos cargos e tiveram o pedido acatado pela diretoria do Lobo da Serra. O presidente Valdir Cabral confirmou o preparador físico Bruno Araújo como técnico interino pelo menos para o jogo do próximo sábado, contra o Auto Esporte. Novos nomes já estão sendo cotados, mas sem definição por enquanto.
As saídas de Suélio e Hélio aconteceram em comum acordo entre os profissionais e a diretoria, mas, ao que parece, não se deu em meio a um clima bom. Após especulações de conflitos internos, principalmente com o gerente de futebol Fernando Gaúcho, Suélio revelou que as interferências da diretoria foram um dos fatores que desencadearam as saídas.
    - A gente trabalha no futebol há 30 anos e tem gente que chega de paraquedas e já quer mandar - disse o técnico em alusão às interferências no trabalho.
O presidente Valdir Cabral já começou a buscar novos nomes para os cargos. Mas segue sem definição. Enquanto isso, o preparador físico Bruno Araújo assume o comando do Lobo da Serra.
- Bruno fica (no comando da equipe) até o jogo de sábado, pelo menos. A gente precisou mudar. A hora pediu isso, e entramos em acordo com todas as partes. Agora vamos focar para a sequência - avaliou o dirigente.
Suélio Lacerda foi o sexto técnico a deixar o comando de um time durante esta edição do Campeonato Paraibano: Cleibson Ferreira (Sousa), Wassil Mendes (Desportiva Guarabira), Severino Maia e Ramiro Souza (Auto Esporte) e Índio Ferreira (Atlético de Cajazeiras) foram os primeiros cinco.
O técnico Suélio Lacerda chegou a levar o Serrano-PB à liderança do Grupo B do estadual. No entanto, depois da derrota para o Campinense, na quarta rodada, a equipe de Campina Grande caiu de rendimento e agora soma apenas sete pontos, na quarta colocação, fora da zona classificatória para o mata-mata.
A expectativa é que o novo comandante e o novo auxiliar possam conseguir a classificação do time para a próxima fase do Paraibano e, consequentemente, librem o time do Quadrangular da Morte. Para isso, a equipe recebe o Auto Esporte às 16h do próximo sábado, no Estádio Amigão, em Campina Grande. A partida é válida pela oitava rodada do estadual.

Globoesporte.com
Campina Grande-PB
Share on Google Plus

Inicio Joao Henrique

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador