TJPB, AEMP e Hulk fazem doação de tênis de futsal para o Projeto Social Meninos de Santa Terezinha

Um misto de alegria, expectativa e curiosidade fazia parte dos semblantes dos meninos do Projeto de Santa Terezinha, no Alto Sertão paraibano, na manhã desse sábado (25). Eles aguardavam, ansiosos, as doações dos 61 pares de tênis de futsal adquiridos por meio da ação conjunta do Tribunal de Justiça da Paraíba, Associação das Esposas dos Magistrados e Magistradas da Paraíba (Aemp) e o jogador de futebol Hulk. O projeto foi idealizado pelo servidor do Poder Judiciário estadual, Humberto Morais, e visa retirar crianças e adolescentes das ruas e prepará-los para a sociedade, através da prática de Futebol de Salão (Futsal).
A doação aconteceu no Ginásio de esportes da cidade. O evento da entrega dos tênis foi aberto pelo diretor do Fórum de Patos, juiz Ramonilson Alves Gomes, que ressaltou que esse projeto é um mecanismo de legitimação do Poder Judiciário que atinge vários objetivos, dentre eles o de formar cidadãos.
“É uma ação social que além da prática do desporto, exige a frequência escolar, a disciplina, o que contribui para a vida reflexa dessas crianças e adolescentes, evitando com que, mais tarde, eles tenham problemas na Justiça. De outro lado, mostra que o Judiciário é um equipamento público que está para servir o público. Iniciativas como esta, retrata essa aproximação, de modo que parabenizo, incentivo e que isso sirva de exemplo para ideias semelhantes”, enfatizou.
O juiz Hugo Zaher, que esteve presente no evento, foi quem fez o contato com a Aemp e apresentou o projeto, propondo a compra do material esportivo. Ele disse que para o Poder Judiciário, inclusive para as Varas da Infância e da Juventude, esse é um trabalho importantíssimo, porque coloca as crianças em contato com o esporte, a família e o lazer.
“O Projeto Meninos de Santa Terezinha proporciona aos participantes, além da prática do esporte, o conhecimento dos valores éticos, da família e dos estudos. Para o Judiciário, é muito importante, pois evita que esses garotos tenham um futuro contato com a delinquência juvenil”.
O idealizador do projeto, Humberto Morais, agradeceu o apoio do Tribunal de Justiça, da Aemp, do jogador Hulk, dos professores voluntários e dos parceiros. “Tive o sonho de ser jogador de futebol e, como isso não foi possível, trabalho para que outras crianças possam realizar esse mesmo sonho. Hoje, eu só tenho a agradecer, nunca esperei que o projeto pudesse chegar aonde chegou. A escolinha vive de doações e o TJ apoiar a gente, é um grande reconhecimento. Tem crianças, aqui, que jogam sem tênis e, por meio da Aemp, elas vão poder ter um material digno para praticar um esporte que elas gostam”, falou emocionado.
A presidente da Aemp, Ana Lúcia Alencar Pereira, contou que assim que recebeu a ligação do juiz Hugo Zaher falando sobre o projeto, prontamente respondeu sim. Ela disse que a parceria foi viabilizada, porque duas servidoras do Tribunal de Justiça, Maria dos Remédios Gonçalves e Simone Lacerda, têm contato com o jogador Hulk, que, acostumado a fazer essas doações e, por ser paraibano, de pronto, resolveu ajudar.
Ana Lúcia agradeceu a Humberto Morais pela oportunidade de participar de seu projeto, afirmando que “é maior a alegria de dar do que receber. Essa é a cara da gestão da Aemp. A Associação continua fazendo doações, não só de material, mas de conhecimento, de aprendizado a essas crianças. Nossa gestão faz e vai fazer muito mais pelas comarcas do interior”.
Um dos pontos alto da ação social foi a exibição de um vídeo, que surpreendeu todos os presentes, no qual o jogador Givanildo Vieira de Sousa, mais conhecido como Hulk, fala da doação e incetiva os meninos a buscarem seus sonhos através do esporte. “Estou enviando esses tênis e espero que vocês façam um grande proveito. Se Deus quiser, que vocês possam usufruir o máximo. Podem sempre contar com minha ajuda. Estou, aqui, de coração aberto para ajudar vocês. Desejo toda a sorte do mundo, nunca desistam dos seus sonhos. Um beijo no coração de cada um”, trecho do vídeo.
Os tênis foram entregues de forma simbólica pelo presidente do TJPB, desembargador Joás de Brito Pereira Filho, por Ana Lúcia Alencar, pelos juízes Hugo Zaher e Ramonilson Alves, e pela gerente de 1º Grau, Maria dos Remédios Gonçalves. Também foram entregues bolas de futsal adquiridas pelos diretores Haroldo Serrano de Andrade (Jurídica) e Márcio Roberto Soares Ferreira Júnior (Especial), e pelo assessor da Presidência, João de Miranda Peregrino Filho.
O presidente do Tribunal de Justiça, Joás de Brito, encerrou a ação social, falando para as crianças e adolescentes da importância da prática do esporte. “Aproveitem essa oportunidade, que está sendo ofertada por meio desse projeto, que além da atividade esportiva, incentiva o estudo, para buscarem seus sonhos”.
Estiveram, ainda, presentes no evento o juiz da Comarca de Patos, José Milton Barros de Araújo; a diretora de Comunicação Institucional do TJPB, Cristiane Rodrigues; a prefeita de Santa Terezinha, Lúcia Alves de Oliveira, e o padre Erivaldo Alves.
 
Por Tatiana de Morais
TJ/PB
Share on Google Plus

Inicio Joao Henrique

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador