Após liminar do TJD, Federação confirma adiamento de São Paulo Crystal e Nacional de Patos

Glauberto Bezerra, promotor do Ministério Público da Paraíba
       (Foto: Larissa Keren / GloboEsporte.com/pb)
Está adiado o confronto entre São Paulo Crystal e Nacional de Patos, pela semifinal da 2ª divisão do Campeonato Paraibano. Por recomendação do Ministério Público da Paraíba, a Federação Paraibana de Futebol decidiu adiar o jogo depois que uma decisão do Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba mandava que a partida voltasse ao Estádio Carneirão.
A ação foi movida pelo São Paulo Crystal, que não concordava com a transferência da partida para o Almeidão, e acabou sendo acatada pelo TJD. Como o jogo aconteceria nesta quarta-feira, não havia tempo hábil para transferir o jogo e manter a data.
De acordo com o promotor de justiça do MP, Glauberto Bezerra, uma reunião no dia 25 vai definir uma nova data para o duelo.
- O São Paulo Crystal nos trouxe uma decisão do Tribunal de Justiça Desportiva determinando a mudança no local da partida para Cruz do Espírito Santo. Dessa forma, nos reunimos com a FPF e o próprio clube e achamos melhor adiar o jogo – disse Glauberto.
A confusão começou ainda na partida de ida, realizada no último domingo. Na ocasião, o Nacional de Patos venceu o São Paulo Crystal por 2 a 1 e largou na frente na briga pelo acesso à elite do futebol paraibano do ano que vem.
O jogo tumultado resultou em briga generalizada dentro de campo, no Estádio José Cavalcanti, em Patos, e uma declaração com suposta ameaça do prefeito de Cruz do Espírito Santo para o time do Canário do Sertão incendiou de vez o extracampo.
Temendo a falta de segurança, o Nacional de Patos fez um pedido a FPF para alterar o local do jogo da volta. A Federação atendeu ao apelo e levou a partida, que seria no Estádio Carneirão, em Cruz do Espírito Santo; para o Estádio Almeidão, em João Pessoa.
Preço dos ingressos também provoca polêmica
Além disso, uma nova polêmica foi iniciada nesta quarta-feira. O São Paulo Crystal definiu em R$ 100 os valores dos ingressos para a torcida visitante, o que foi contestado pelos torcedores do Naça. E esse assuto também entrou na pauta do promotor. Segundo Glauberto, de maneira alguma se pode cobrar uma taxa tão elevada numa competição que possui preços médios bem abaixo deste valor.
    - Eu não posso admitir que o ingresso seja além do que é cobrado normalmente.
Possivelmente, na reunião do dia 25 o MP também deve fixar um teto para o preço dos ingressos, cujo jogo ainda não tem data definida. A reunião vai contar com a presenta de representantes da Comissão de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios da Paraíba e dos clubes envolvidos no jogo.

Globo Esporte PB
Share on Google Plus

Inicio Joao Henrique

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador