Liga é criada no Rio Grande do Norte para fortalecer futsal

Foto: Augusto Gomes
Uma liga de clubes está próxima de ser criada para fortalecer o futsal do Rio Grande do Norte. Paralela à Federação Norte-rio-grandense, a nova entidade busca estimular as categorias de base, ter maior participação dos clubes em uma única competição e aumentar o calendário esportivo. Segundo o professor Roberto Pereira, um dos idealizadores do projeto, o núcleo que organiza a liga conta com cerca de dez pessoas, entre professores de futsal, presidentes de clubes e secretários municipais. Inicialmente, 24 equipes participam da entidade.
A ideia da Liga Norte-rio-grandense de Futsal (LNF), como será chamada, nasceu há um ano a partir da insatisfação dos profissionais e dos clubes em relação à federação. Na avaliação de Roberto Pereira, a entidade não investe nas categorias de base e inclui poucas equipes em suas competições. O último Campeonato Potiguar de Futsal, que aconteceu entre outubro e dezembro de 2016, contou com nove participantes.
- Nós pensamos em criar a liga em cima da decadência do futsal do Rio Grande do Norte, que acontece há 15 anos, para tentar reerguer a modalidade. A ideia é melhorar aos poucos. A priori, vamos focar na categoria adulta, mas há uma equipe para tratar com as bases. Hoje, não tem nenhum representante do Rio Grande do Norte na Taça Brasil Sub-15, não há participação nossa - disse Roberto Pereira ao Globo Esporte.
Em processo de formalização em cartório, a expectativa é que a liga esteja funcionando a partir de junho. Só então as inscrições serão abertas para a filiação de mais clubes. Os jogos da competição estão marcados para acontecer entre julho e setembro. A estrutura será dividida em polos regionais para facilitar os custos da equipe de todo o estado. Depois, será feita a fase mata-mata.
- Vamos nos dividir em polos regionais, entre as cidades próximas. Assim a gente diminui o custo dos clubes com viagens. As equipes de Macau, por exemplo, disputarão com outras daquela região. Depois, entraremos na fase mata-mata. Como ainda haverá período para a inscrição de outros clubes, ainda vamos organizar melhor o calendário - contou.
O passo a passo da LNF
Como não há ligação com a federação, a competição promovida pela Liga Norte-rio-grandense de Futsal não dará vaga para torneios da Confederação Brasileira - o estadual da FNFS classifica para a Taça Brasil, por exemplo. Mas o plano é mostrar resultado para a entidade crescer e valorizar os atletas e equipes que abracem o projeto.
- Queremos mostrar resultado para captar patrocinadores e crescer. Hoje, os custos serão todos dos clubes. Uma porcentagem da renda que iremos conseguir vão para eles e outras para a Liga, para termos um aporte financeiro. Pensamos também em uma comunicação, com gerenciamento das redes sociais. Estamos buscando parcerias para isso - completou Roberto.

Por Luiz Henrique*, Natal 
Via GE Natal
Share on Google Plus

Inicio Joao Henrique

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador