Causos & Lendas do Nosso Futebol: VOCÊ LEMBRA DE ADELINO?

Ele nasceu na cidade potiguar de Mossoró – RN, no ano de 1949 e lá iniciou a sua brilhante carreira no juvenil do Ypiranga. Em 1969 chegou ainda jovem para fazer carreira e nome no Treze Futebol Clube, time que defendeu por vários anos e atingiu a marca 152 gols com a sua camisa.
Estamos falando do grande artilheiro Adelino Aquino Neto, o popular centroavante “Adelino”, que por muitos anos amedrontou as defesa dos times nordestinos. Em 1979, em jogo válido pelo campeonato estadual, o Treze aplicou uma enorme goleada no time do Nacional de Cabedelo pelo escore de 13  x  0;   oito gols foram de sua autoria, escrevendo o seu nome na galeria de goleadores junto a  craques consagrados como Dario e Pelé, que marcaram várias vezes em uma única partida. Esse feito lhe rendeu o troféu nacional denominado de “Bola de Ouro.” 
Adelino tinha como características principais a explosão e a velocidade dentro das quatro linhas. Boa estatura, físico privilegiado e uma excelente visão de jogo completavam esse artilheiro que jogou onze anos como profissional. Ele vestiu ainda as camisas do Fortaleza, do Sampaio Correa, do Tiradentes-PI e da extinta Desportiva Borborema, esse último ficou conhecido como o “Gavião”.
Na hora de encerrar a sua carreira, no dia 07 de maio do ano de 1980, estava o “Leão” - apelido carinhoso que ganhou da imprensa - vestindo a camisa de número nove do Treze Futebol Clube. Foi em um jogo amistoso contra o Guarabira que terminou com o placar de 1 x 0 com gol de sua autoria.
Ao encerrar a sua participação como jogador profissional, Adelino montou uma oficina mecânica na Rainha da Borborema, cidade onde  permaneceu residindo e angariou a amizade de um número significativo de amigos e admiradores.
Já aposentado das chuteiras ele teve o prazer e a satisfação de comparecer no plenário da Casa Félix de Araújo,  no dia 26 de novembro de 2007,  para receber o título de cidadão da cidade de Campina Grande; reconhecimento  que veio a somar com as outras merecidas homenagens que tinha recebido. O plenário esteve lotado de ex-diretores, torcedores e cronistas que compareceram para prestigiar a entrega do diploma ao ex-jogador.
Agora recente, fomos pego de surpresa com a notícia do seu falecimento, precisamente no dia 03 de maio do corrente, em Campina Grande, cidade onde criou raízes e muitas alegrias deu ao torcedor trezeano.
Acredito que essa hora ele já se juntou aos amigos e companheiros  Josa, Dadá, Cidão e tantos outros que vestiram a camisa alvinegra do temido Galo da Borborema e prematuramente partiram para a vida eterna.
Para nós, torcedores, desportistas e cronistas ficou a certeza de que o craque Adelino Aquino Neto, o popular “Adelino”, também carinhosamente denominado de “Leão do Galo”, escreveu o seu nome com tintas douradas e perpétuas na história do futebol paraibano. 

Francisco Di Lorenzo Serpa
Membro da API, UBE e APP
falserpa@oi.com.br

Share on Google Plus

Inicio Joao Henrique

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador