Causos e Lendas do Nosso Futebol por Serpa Di Lorenzo: Leone Jogava com Prazer


Leonicy Lino dos Santos nasceu na cidade de João Pessoa e surgiu para o futebol amador na Portuguesa do Bairro de Cruz das Armas, antigo celeiro de bons jogadores da capital. Logo o seu futebol ultrapassou as fronteiras daquele bairro e o jovem Leone – como ficou conhecido – foi ser profissional com a camisa rubro-negra do antigo time do União Esporte Clube, sempre jogando no meio de campo, com criatividade, classe e versatilidade.
Do extinto União para o Botafogo Futebol Clube foi questão de tempo. Leone passou a integrar um plantel que tinha nomes já consagrados como Fernando, Lula, Valdeci Santana, Odon, Chico Matemático, Zezito e o grande Ferreira na ponta esquerda.
Foram cinco anos dedicados ao alvinegro que hoje possui a estrela vermelha. Foi no Botafogo que ele fez grandes e eternas amizades e vivenciou grandes emoções em sua vida profissional, como aquela participação do “Belo” no torneio Integração Nacional ocorrido em 1971 no estado de Goiás, em que se classificaram entre os primeiros colocados. Ele recorda com carinho dos companheiros que viajaram para aquele importante feito.
Outro marco em sua carreira ocorreu em dezembro de 1971, quando o Botafogo Futebol Clube enfrentou e perdeu para o Santos Futebol Clube por dois tentos a zero, no antigo estádio Olímpico do Boi Só. Leone ficou com a obrigação de marcar o “Rei Pelé”, que por sinal naquela partida não marcou nenhum gol. O ex-companheiro Ferreira naquele jogo já vestiu a camisa onze do esquadrão paulista.
Quando foi em 1975, a Paraíba já possuía os estádios Amigão e Almeidão,  surgiu a oportunidade de Leone ser transferido para o Campinense Clube, se juntar ao  companheiro de longas datas Jorge Flávio para disputar o acirrado campeonato nacional com a camisa rubro-negra.
Na Raposa Leone disputou partidas memoráveis, como aquela em que venceram o grande rival Treze Futebol Clube  por dois tentos a um, em dia de Amigão lotado, jogo disputado palmo a palmo, onde normalmente os craques se sobressaem; foi quando Leone marcou um gol com menos de dois minutos de jogo, ganhando o prêmio da Caixa Econômica Federal por ter marcado o gol mais rápido da rodada. Foi um delírio nas a  rquibancadas, nas cadeiras e principalmente no calçadão existente na cidade… Até hoje os saudosistas lembram desse gol.
Antes de encerrar a sua carreira, como jogador profissional, Leone vestiu a camisa do CSE de Alagoas e disputou amistosos pelo Auto Esporte.  Perguntado ao mesmo qual era o segredo de jogar com aquela visão de jogo, segurança nos passes, criatividade e disposição, o mesmo me respondeu com a maior simplicidade que tudo aquilo era fruto do prazer de jogar, pois naquela época o futebol era jogado com gosto, prazer e criatividade.
Leone, hoje reside na cidade de Boa Vista, capital de Roraima, onde trabalha e nas folgas aproveita para desfrutar as belezas naturais daquela região. Ele sente saudade daquela época e dos companheiros. 

Por: Di Lorenzo Serpa
Com: Só Esporte
Share on Google Plus

Inicio Joao Henrique

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador