COPA DO NORDESTE: Botafogo-PB empata com o Fortaleza no Castelão

Foto: JL Rosa/Agência Diário
Após apagão na Arena Castelão, que atrasou a partida em 13 minutos, Fortaleza e Botafogo-PB iniciaram jogo decisivo pelo Grupo D da Copa do Nordeste, nesta terça (23). O Tricolor do Pici abriu o placar, mas amargou o empate por 1 a 1, com gols de Eduardo e Marcelo Xavier, respectivamente. As duas equipes vêm de resultado negativo na competição. O time do técnico Flávio Araújo não fez boa partida e sofreu com a pressão do alvinegro paraibano, que teve boas chances no ataque. A defesa Tricolor tomou vários sustos e por pouco não permitiu a virada do time visitante nos acréscimos da partida.
O Fortaleza encerra a terceira rodada da primeira fase com uma derrota, uma vitória e um empate. Assim, soma quatro pontos e fica em segundo na tabela, atrás do Sport. Já o Botafogo-PB chega ao primeiro ponto e permanece na última colocação do Grupo D. As equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 2 de março (quarta-feira), no Almeidão, a partir das 21h45.
O Jogo
Na etapa inicial, o Botafogo-PB pressionou o Fortaleza. Nos primeiros dez minutos, Jó Boy já havia chegado com dois lances de perigo ao gol de Erivelton. Ao mesmo tempo, a defesa do Leão não mostrava entrosamento. Em jogada de contra-ataque o Leão conseguiu a falta perto da entrada da grande área. Na cobrança, Pio tocou para Eduardo que, sem marcação, abriu o placar para o Tricolor. Fortaleza trabalhou mais a bola e chegou pelas laterais, enquanto o Alvinegro Paraibano não dava folga na marcação. O Belo criou boas oportunidades, principalmente com Jó Boy, mas desperdiçou. O Leão apostou nos contra-ataques, principalmente pela esquerda, com Jean Mota, mas encontrou a defesa adversária atenta.
O Fortaleza iniciou o 2º tempo impondo velocidade, mas em jogada de contra-ataque, o adversário aproveitou cobrança de falta, Marcelo Xavier não vacila e manda direto para o gol de Erivelton, empatando o jogo. A partir daí o Leão mostrou nervosismo e pouco criava. Com dificuldade no meio-campo, o time insistiu nas ligações diretas sem sucesso. O Belo cresceu na partida e aproveitou os vacilos da zaga do Leão para levar perigo. Nas poucas arrancadas que o time de Flávio Araújo criou, Corrêa esteve presente, mas ninguém se aproximava.
O problema se repetiu em outras jogadas de ataque do Leão do Pici, que dormiu na defesa e mostrou confusão no ataque. Nos acréscimos, o Leão pressionou, mas com setor ofensivo desorganizado, perdeu as chances. O Botafogo-PB ainda devolveu os contra-ataques, chegou ao escanteio, mas Erivelton salvou a bola que poderia mudar o resultado da partida, que ficou no empate de 1 a 1.

Por GloboEsporte.com
Fortaleza, CE
Share on Google Plus

Inicio Joao Henrique

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador