Quanto vale um jogador de futebol? Último mercado europeu traz algumas respostas






A última janela de transferências do mercado europeu foi bem monótona. Quase nenhuma contratação de impacto, pouco dinheiro movimentado e expectativa mínima no dia final. E isso pode ser traduzido em valores também.
O CIES Football Observatory fez o levantamento de todos negócios realizados nas cinco grandes ligas europeias (Inglaterra, Espanha, Alemanha, Itália e França) e comparou as quantias divulgadas com os valores estimados de cada atleta. A partir daí, listou as contratações mais e menos valorizadas.
No topo do ranking aparece o meia-atacante português Bernardo Silva, de 20 anos, que estava emprestado pelo Benfica ao Monaco e foi contratado em definitivo pela equipe monegasca. Por 15,7 milhões de euros, o jogador assinou contrato de quatro anos - valor, de acordo com o CIES, 9.2 mi acima do estimado pelo mercado (6,5 milhões de euros).
Logo na sequência aparece o zagueiro brasileiro Gabriel Paulista, que trocou o Villarreal pelo Arsenal por 15 milhões de euros - inflação de 9 mi em relação aos 6 estimados - e o atacante marfinense Wilfried Bony, do Swansea para o Manchester City por 32 milhões - valor inflacionado em 6.3 mi.
Destaque para o Chelsea, que apesar de ter investido um pouco acima por Juan Cuadrado, de acordo com o levantamento, conseguiu lucrar com Ryan Bertrand e André Schürrle, além de ter envolvido Mohamed Salah no negócio pelo colombiano.
Há, também, os "ótimos" negócios. Coloquei entre aspas, porque o ponteiro de baixo desse ranking é Fernando Torres. Via Milan e Chelsea mais Alessio Cerci e 3 milhões de euros, voltou a ser jogador do Atlético de Madrid. A estimativa para o veterano atacante era de 6,2 milhões, variação de 3.2 mi no pagamento.
Das 50 transferências analisadas, 37 tiveram variação de dois milhões para cima ou para baixo. No geral, é possível detectar claramente o esfriamento do mercado de contratações.
As loucuras de algumas temporadas atrás parecem ser, realmente, apenas coisas do passado, lembrando que a janela de meio de temporada, quase sempre, serve para suprir carências ou resolver problemas.

Abaixo, os cinco ponteiros de cima e de baixo do levantamento, com as variações.

Bernardo Silva (Benfica - Monaco): 6,5 milhões --> 15,7 milhões (+9.2 mi)
Gabriel Paulista (Villarreal - Arsenal): 6 milhões --> 15 milhões (+9 mi)
Wilfried Bony (Swansea - Manchester City): 25,7 milhões --> 32 milhões (+6.3 mi)
Ryan Bertrand (Chelsea - Southampton): 7,3 milhões --> 13 milhões (+5.7 mi)
Juan Cuadrado (Fiorentina - Chelsea): 29,5 milhões --> 33,4 milhões (+3.9 mi)

Luca Antonelli (Genoa - Milan): 5,8 milhões --> 4,5 milhões (-1.3 mi)
Daniele Gastaldello (Sampdoria - Bologna): 2,6 milhões --> 600 mil (-2 mi)
Alfred Duncan (Internazionale - Sampdoria): 5,3 milhões --> 3 milhões (-2.3 mi)
Manolo Gabbiadini (Sampdoria - Napoli): 15,8 milhões --> 13 milhões (-2.8 mi)
Fernando Torres (Chelsea - Milan, empréstimo Atlético): 6,2 milhões --> 3 milhões (-3.2 mi)

Fonte: Blog Gustavo Hofman
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador