Vasco perde para o Luverdense e entra no Z4 da Série B do Brasileirão

 
Luverdense x Vasco (Foto: Chico Ferreira/Futura Press) 

Luverdense supera Vasco na Arena Pantanal (Foto: Chico Ferreira/Futura Press)
O Vasco continua sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro. Em partida disputada na tarde deste sábado, na Arena Pantanal, em Cuiabá, a equipe de São Januário foi derrotada por 2 a 1 pelo Luverdense. O resultado fez o time carioca cair para a zona do rebaixamento.
Com apenas um ponto ganho, o Vasco ocupa a 17ª posição, enquanto o Luverdense assumiu, provisoriamente, a terceira posição, com quatro pontos.
Na próxima rodada, o Vasco receberá o Atlético-GO, em São Januário, enquanto o Luverdense irá encarar a Ponte Preta, em Campinas.
Apesar da presença da torcida, que compareceu em bom número para incentivar a equipe cruz-maltina, o Vasco se mostrou um time muito irregular, que permitiu que a equipe da casa abrisse uma vantagem de dois gols. Os cariocas ainda conseguiram marcar um gol, mas não chegaram nem ao empate.
O jogo - Apoiado por grande torcida, o Vasco partiu para o ataque assim que o árbitro apitou o início da partida. Thales foi lançado na grande área e chegou a se livrar do goleiro Gabriel Leite, mas perdeu o ângulo e acabou bloqueado pela zaga do Luverdense.
Depois da pressão inicial, o Luverdense começou a colocar os nervos no lugar e a passar a trocar passes com mais objetividade. Aos cinco minutos, a defesa vascaína vacilou, e Misael recebeu em liberdade, mas se atrapalhou na hora da conclusão.
Aos 11 minutos, o Vasco criou a primeira grande chance. Thales lançou Montoya nas costas da zaga e o colombiano, depois de driblar o goleiro Gabriel Leite, ficou sem ângulo e chutou na rede, pelo lado de fora, enquanto Thales, livre, pedia a bola para concluir.
O time carioca se mostrava mais agressivo, principalmente quando Montoya estava com a bola, já que o jogador colombiano levava sempre vantagem sobre o seu marcador.
O Luverdense atuava de forma cautelosa e tentava explorar os avanços do adversário para abrir espaços para a velocidade de Misael. Aos 18 minutos, Misael foi lançado na corrida, mas chutou errado, desperdiçando uma boa chance.
Aos 21 minutos, o Luverdense marcou o primeiro gol, o primeiro também da história da Arena Pantanal. O lateral direito Raul Prata arrancou em velocidade, driblou Rafael Vaz e Luan e bateu cruzado. Diogo Silva conseguiu fazer a defesa, mas o rebote caiu nos pés de Reinaldo, que colocou a bola nas redes da equipe carioca.
O Vasco tentou a reação imediata com um chute violento de Felipe Bastos, mas a bola passou perto da trave direita de Gabriel Leite. O meia Douglas passou a participar mais do jogo e levou o time cruz-maltino a aumentar a pressão, forçando o jogo nas imediações da área da equipe de Mato Grosso, mas os seguidos erros de passe impediam que o domínio se transformasse em gols.
Aos 29 minutos, o Vasco teve outra boa chance para empatar em cobrança de falta, na entrada da área, mas o chute de Douglas se chocou com o travessão. Logo depois, André Rocha cruzou, da direita, e Thales cabeceou por cima.
O Luverdense quase ampliou aos 35 minutos. Misael foi lançado, livrou-se de Luan e chutou forte. Diogo Silva tocou com a ponta dos dedos e mandou para escanteio. Na cobrança, o goleiro saiu muito mal, soltou a bola, mas o Luverdense não conseguiu aproveitar a falha.
Mesmo sem jogar bem, o Vasco pressionava em busca do gol do empate. Aos 42 minutos, Douglas foi derrubado na entrada da área.Na cobrança, tocou para Felipe Bastos, que mandou a bomba, mas a bola desviou na zaga e subiu. Depois do escanteio, a bola ficou com o zagueiro Luan, que evitou um marcador e chutou forte, mas a bola desviou em Renato e saiu.
O Vasco voltou para o segundo tempo com duas alterações no ataque. William Barbio e Yago entraram nos lugares de Montoya e Reginaldo.
Aos quatro minutos, Felipe Bastos cobrou falta na grande área e a bola sobrou para William Barbio. O atacante tentou uma bicicleta, mas acabou caindo sem conseguir a conclusão. Dois minutos depois, Barbio cruzou da esquerda e Thales subiu mais do que a zaga, mas cabeceou sem perigo.
O Luverdense chegou, pela primeira vez, com perigo aos oito minutos. Após rápida troca de passes, a bola sobrou para Gilson, que teve o chute bloqueado por Rafael Vaz.Um minuto depois, Misael teve a camisa puxada dentro da área, por André Rocha. Pênalti, que o árbitro marcou e Rubinho converteu, tocando com categoria no canto direito de Diogo Silva. Ao sofrer o segundo gol, o time do Vasco ficou muito nervoso, o que resultou em um aumento de passes errados. A equipe da casa se aproveitava da situação para tocar a bola e tentar aproveitar a intranquilidade da equipe carioca.
Aos 15 minutos, Edinho recebeu na esquerda e cruzou para Léo, que entrava pelo meio, mas Rafael Vaz salvou, mandando para escanteio. O time de Mato Grosso seguia dominando a partida e, aos 21 minutos, após cruzamento na área, Gilson desviou e a bola bateu na trave defendida por Diogo Silva.
Sem alternativa, o Vasco partiu para o ataque e, aos 23 minutos, Douglas obrigou o goleiro Gabriel Leite a fazer grande defesa, desviando para escanteio.
Aos 25, o time carioca marcou o primeiro gol, em grande chute de Yago, que deixou o goleiro do Luverdense sem qualquer chance de defesa.
O lance entusiasmou o Vasco, que quase desempatou quando Thales lançou Diego Renan, que entrou pelo meio e tocou na saída de Gabriel Leite, mas a bola bateu na trave esquerda. Assustado, o Luverdense recuou para defender a vantagem, enquanto o adversário seguiu na pressão. Aos 35 minutos, Douglas levantou na área, e André Rocha cabeceou para fora.
O Luverdense só conseguiu sair da defesa aos 41 minutos, em boa troca de passes que culminou com um chute de Fernando, bem defendido por Diogo Silva.

Esporte Interativo
Share on Google Plus

Inicio Esporte do Vale

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve após ser analisado pelo administrador